Lyra - Tamit I.

"Os últimos dias de Tamitzaa"!

Lyra - Tamit I.

Postby Gereth » 03 Dec 2010, 12:59

Lyra

Nome: Lyra (Tamit I)

Segmentum: Segmentum Tempestus

Setor: Loki

Sub-setor: Hagnarok

Sistema: Tamit-Zaa

População: 51.376.822 (exata)

Afiliação: Mechanicum

Classe: Ghost World

Geologia: Planeta seco, com ausência de oceanos. Sua elevada gravidade e correntes de vento com velocidade média de 250 km/h moldaram a exótica topografia do planeta rochoso. Seus pólos são formados de gigantescos desertos de areia escura. Grande crateras formadas por explosões atômicas podem ser vistas até mesmo de seus planetas irmãos.

Ecologia: Não tem formas de vida nativas, exceto nas cavernas mais profundas, aonde espécies microbiológicas resistentes às toxinas e pressão agrupam-se em colônias fluorescentes minúsculas.

Economia: Lyra é um planeta estéril. Suas parcas fontes de minérios relevantes não valem o esforço de construir e manter no planeta quaisquer instalações de extração. É justamente por isso que toda a superfície do planeta Lyra foi usada como campo de testes das pesquisas com armamentos feitas em Incudem.

Principais Cidades: Lyra não possui cidades propriamente dita. Dois complexos subterrâneos de pesquisa e cinco bases militares são as únicas instalações de seus habitantes.

Política: Duas forças atuam paralelamente em Lyra. De um lado existe no planeta um contingente de 2.500.000 soldados comandados pelo General Demethrius Sulla. Conhecido como estrategista excepcional o general foi reposicionado no planeta Lyra como punição após redirecionar forças militares para Marmoria na grande rebelião dos operários sem consentimento das autoridades de Nimbus.
As 48.876.822 almas restantes no planeta são Enginseers, Servitors e uma divisão da Collegia Titanica chefiados pelo Princeps Maximus Damien Gruss. Sua frieza inumana não só em combate como na execução de suas atribuições diárias por muitas vezes já deixou alguns homens de Sulla em risco fazendo com que a relação dos dois seja restrita a formalidades burocráticas e debates inflamados sempre que surge a necessidade de coordenação das atividades de ambos.
Ainda que Sulla seja responsável pela presença Imperial no complexo de Lyra, e Gruss apenas um representante ilustre da Legio Metallica, ambos estão sob a autoridade do Alto-Sacerdote Mojaro. Esse ser, mais máquina que homem, vive acoplado aos cogitatores e sistemas de todos os laboratórios e sistemas eletrônicos de Lyra. O próprio Gruss certa vez comentara, segundo testemunhas, que Mojaro era o planeta de fato, e ainda brincou ao sugerir que tavez o nome do planetóide devesse ser alterado de acordo com o nome do Alto-Sacerdote.

Força Militar: Demethrius Sulla é homem adimirado pelos que estão sob seu comando. Seus 2.500.000 formam a “891th Lyra Griphons” compostos por Conscritos e Veteranos fiéis a Sula. Quando Sulla foi transferido para Lyra, parte dos homens que formam os Griphons veteranos de hoje tambem foram transferidos para esse destacamento. Há 4 anos Zaanicos, Sulla recebeu relatórios com imagens de satélites de Marmoria indicando a presença de fontes de energia residual de forma esquematizada. Sua experiência indicava a presença Xenos Não-Identificada no planeta. Mesmo mostrando as evidências, seus avisos foram arquivados. Ignorando as formalidades burocráticas, Sulla e seus homens começaram manobras em direção a Marmoria. Essas manobras não passaram despercebidas e foram interceptadas. Sulla acredita que Lorde Caban e Burocratas de Nimbus tinham motivos para que Marmoria não fosse investigada e credita seu reposicionamento a Caban.

Pontos de interesse: Toda a superfície de Lyra foi bombardeada a exaustão por toda sorte de armamento concebível. Bombas virais, explosivos termais, canhões báricos, plasma orgânico ... a lista é infindável. Assim resta muito pouca coisa digna de interesse na superfície do planeta. A única área digna de nota localiza-se no pólo sul do planeta onde, inexplicavelmente, concentra-se uma quantidade até o momento imensurável de radiação.

Equipes de pesquisa devotam-se no momento a estudar o que levaria a essa absurda concentração mas tem esbarrado no elevado número de baixas entre homens e máquinas, destruídos rapidamente quando entram na área radioativa.
User avatar
Gereth
The Painting Frog
 
Posts: 2151
Joined: 25 Jul 2009, 22:33
Location: Cuiabá - Mato Grosso

Re: Lyra - Tamit I.

Postby streem » 28 Feb 2011, 20:58

Battle Report – Os Últimos dias de Tamitza.
Jogadores “ORDEM”: Streem (Salamanders) + Ultramarcos (Blood Angels & Imperial Guard) + Gereth (Legion of the Damned) + Tocha (Deathwing)
Jogadores “DESORDEM”: Silvio (Orks) + Peacecraft (Orks) + Antonio Jorge (Orks + Nurgle)
Número de pontos da Partida: 10.000+ pra cada lado
Frente de Batalha: LYRA
Vencedores: ORDEM - Streem, Ultramarcos, Gereth, Tocha


EPÍLOGO: "CHEIRO DE VINGANÇA APODRECENDO O AR"

"- Forgefather, aqui é o Sargento Agatone. Temos Tsu'gan e seu pelotão a bordo do Thunderhawk Fire Wyvern. Estamos partindo imediatamente para o ponto de encontro. Movimentação intensa dos orks sobreviventes em direção do espaçoporto. Preparem-se para o confronto. Que o Imperador nos proteja. POR VULKAN!

A derrota de Maggot não durou muito tempo. Shanti estava sendo atacada por ondas incessantes de inimigos. Os Space Marines do capítulo dos Salamanders não tiveram outra alternativa: reuniram o que puderam da população e se prepararam para aguardar resgate no espaçoporto. Um extenso sistema de barricadas foi preparado, onde juntos, Space Marines e Guardas do Regimento de defesa de Shanti iriam defender a população enquanto o socorro não chegava.

Mas os planos não funcionaram como o esperado. Maggot percebeu os planos dos Salamanders e direcionou um gigantesco ataque de demônios e de renegados recrutados em meio à população. Os Salamanders lutaram incessantemente por 2 dias até que o Forgefather Vulkan He'stan decidiu que iria sacrificar sua Frigate Firelord, danificada apos um ataque ork, para dar mais tempo aos defensores. Um último e poderoso bombardeio orbital. O último salvo de tiros que os canhões da Firelord disparariam.

O resultado do bombardeio final da Frigate fora catastrófico para as forças inimigas. Milhares de Orks e demônios foram incinerados pela força brutal dos canhões da Frigate, que se desintegrou em seguida, no sacrifício final de seus tripulantes para dar tempo aos Salamanders presos em Shanti.

No horizonte, as tropas de Maggot mais uma vez apareciam. O ânimo abalado dos defensores não resistiria a mais um ataque massivo. Os Salamanders preparavam suas armas, mas a esperança de seus companheiros da guarda havia desaparecido. Nem o discurso eloquente de Vulkan, nem os cânticos de guerra e a presença brutal dos Salamanders inspirava os meros 5 mil soldados sobreviventes da guarnição de Shanti. 200 mil cidadãos estavam preparados para entrar nas naves. Os mantimentos estavam no fim. O caos e o pânico tomariam conta deles, e mesmo a 3ª compania inteira não seria suficiente para conter a furia daquele povo.

- Forgefather, lutaremos com você até o fim. Se for para perder a vida junto do povo shantiano, nós perderemos. Fizemos tudo que estava ao nosso alcance - declarou Agatone, levando ao Forgefather a determinação de todos os companheiros da 3ª compania.

- Seria um belíssimo sacrifício. Por Vulkan. Pelo Imperador. Mas não perca a fé, irmão. Nosso chamado será atendido.

Mal o Forgefather terminou de falar, outro salvo de tiros arrebentou o horizonte. Mais demônios e orks sendo incinerados.

+++ Salamanders, nós, Blood Angels, a bordo da Sanguis Irae, trazemos a salvação! Nossas naves estão prontas para a evacuação: vocês serão retirados desse planeta infestado. Seu chamado foi atendido: mantenham o inimigo distante para que nossas naves possam pousar e realizar a evacuação. PELO IMPERADOR! +++

O ânimo dos soldados voltou. Marines e guardas atiraram freneticamente contra as tropas inimigas, que se perdiam em meio à confusão dos tiros dos Blood Angels. Vários Thunderhawks rasgaram os céus e enquanto as naves de evacuação eram ocupadas pelos cidadãos, os Blood Angels se juntaram ao combate.

A batalha foi rápida. Assim que as naves estavam prontas, os Space Marines recuaram para suas naves e decolaram do Espaçoporto. Em questão de minutos já estavam na atmosfera, e o espaçoporto era tomado. Maggot, em fúria, condenava os nomes de Vulkan e do Imperador.

Um novo bombardeio foi efetuado antes das naves deixarem Shanti. As tropas de Maggot estavam fracas, mas longe de serem derrotadas. E eles não iriam parar de caçar os Salamanders."

PRÓLOGO

"++++ AQUI É O GENERAL DEMETHRIUS SULLA! ESTAMOS SENDO ATACADOS PELO PRINCEPS MAXIMUS DAMIEN GRUSSA! (muita estática e ruído) PRECISAMOS URGENTEMENTE DE AJUDA! ELES JA ABATERAM - (mais ruídos e explosões) -! ESTAMOS PRESOS EM LYRA! O 891th LYRA GRIPHONS NÃO CONSEGUIRÁ CONTER O AVANÇO DA (ruídos e barulhos de tiros) PELO IMPERADOR, NOS AJUDEM! GRUSSA NOS TRAIU, GRUSSA NOS (forte explosão) ELES VÃO CERCAR O ESPAÇOPORTO! ESTAREMOS LÁ DEFENDENDO (mais estática e fortíssimas explosões) QUE CONSEGUIRAM FUGIR DO ATAQUE! RESPONDAM A NOSSO CHAMADO! (corte abrupto e um último barulho de disparo)++++

Librarian Hector parecia especialmente perturbado pela mensagem. Sua face mostrava certa apreensão em acreditar no chamado. O que levaria o Princeps a atacar Sulla com todas as suas forças? Como Sulla não poderia sair do planeta? Algo não estava certo.

Os líderes dos Blood Angels e dos Salamanders se reuniram em uma das várias salas de reunião da Sanguis Iraes. A decisão, após muito debate, foi a de partir imediatamente para Lyra e ajudar no que fosse preciso. Antes do Planetstrike, iriam fazer varreduras para determinar a posição da Legião. Se o ataque estivesse confirmado, os canhões da Sanguis Iraes teriam de dar conta dos Titans do Princeps Maximus Damien Grussa.

Os Blood Angels preparavam-se para o combate com sede de sangue, enquanto os Salamanders cuidavam de seus feridos. Não havia tempo para lamentar os mortos: somente para se concentrar para a próxima batalha

He'stan e Hector olhavam para os monitores, esperando por algo. E não tardou a aparecer algo

+++ Irmãos Space Marines, aqui é Belial, do Capítulo dos Dark Angels. Vocês estão entrando no espaço aéreo de Lyra. Estamos aqui, preparados para o combate. Iremos assaltar o planeta para averiguar o chamado de Sulla. Aguardaremos o seu comando. PELO IMPERADOR! +++"

RELATO DA BATALHA: "TRAIÇÃO EM LYRA"

Os scanners das naves perceberam que o conflito era MUITO maior do que se pensava. Incontáveis orks estavam combatendo resquícios da 891th LYRA GRIPHONS e ao mesmo tempo sendo atacados pelas tropas do Princeps Maximus Damien Grussa. Sulla aparentemente havia desaparecido. Havia presença de demônios de Nurgle. Maggot provavelmente estaria a caminho.

O Planetstrike estava preparado. Antes de descerem porém, as tropas foram contidas por um comunicado de emergência. Vindo diretamente do suposto "traidor"

+++ PRINCEPS MAXIMUS DAMIEN GRUSSA AQUI, FALANDO A TODOS QUE ESTÃO NA ÓRBITA DE LYRA ATENDENDO AO CHAMADO DE SULLA. PRESTEM ATENÇÃO: SULLA ENLOUQUECEU. TUDO ISSO É OBRA DELE. ELE É O VERDADEIRO INIMIGO. DESCUBRIMOS SUA TRAIÇÃO. ELE QUER QUE TODOS VENHAM PARA LYRA PARA DERRAMAR MAIS SANGUE. NÃO DESEMBARQUEM. FIQUEM NA ÓRBITA, BOMBARDEIEM O ESPAÇOPORTO E MATEM TODOS OS SEGUIDORES DE SULLA. ELE ARRASTOU TODOS OS SEUS SOLDADOS PARA O CAOS! ELE AGORA É UM SERVO DE KHORNE! REPITO, NÃO DESEMBARQUEM! QUE O IMPERADOR QUEIME SULLA E TODA SUA CORJA DE HEREGES! +++

Hector e He'stan não sabiam o que fazer. Consultaram Belial, e o consenso foi de que todos deveriam desembarcar e se preparar para combater Damien Grussa E combater Sulla. Quem quer que estivesse certo, o combate seria tenso. A invasão Ork era fortíssima e iria derrubar todos se não fosse contida.

Espaçoporto de Lyra. Um lugar estranho, construído em meio a várias crateras dos testes de armas. Um lugar realmente estranho. O ar parecia pesado, era como se houvesse algo de ruim acontecendo. Os escudos de defesa de Lyra estavam desativados. As baterias anti-aéreas estavam vulneráveis. E o gigantesco Turbolaser Destructor que terminava a linha de defesa do Espaçoporto também estava desligado. As tropas deveriam reativar o escudo, proteger as baterias e reativar o canhão, enquanto garantiam que a única entrada para principal Landing Pad estivesse fechada e protegida dos invasores. Lá, as dropships estariam aguardando para retirar os eventuais refugiados de Lyra e para tirar as tropas usadas na defesa.
Image

O portão do Landing pad principal
Image

As 3 estações de controle das baterias
Image
Image
Image

O complexo subterrâneo onde estava a central de comando do canhão
Image

As entradas do underhive
Image
Image

O controlador dos escudos de defesa
Image

O Planetstrike foi feito com sucessoo. As tropas da ordem se posicionam para defender o espaçoporto
Image
Image
Image

A Death Company dos Blood Angels aguarda ensandecida em seu Rhino
Image

A linha completa da ordem
Image

Os Salamanders liderados por Tsu'gan e Da'kir preparam-se para entrar na underhive
Image

As forças unidas da desordem finalmente dão as caras. Incontáveis fileiras de Orks e de guerreiros do Caos.
Image

Vários orks se posicionam na porta do acesso à underhive
Image

Um Stompa, um Mega Deff Dread, incontáveis Killa Kans, alguns Deff Dreads e até um Skullhamma integram a linha de frente da desordem
Image

Dois Rhinos dos Salamanders avançam e eis que, de repente, são supreendidos por uma ajuda inesperada
Image

A famosa Legion of the Damned estava entre eles. Os temidos e misteriosos guerreiros fantasma, que só apareciam quando um Astartes estivesse em sério perigo. Era um sinal. O Imperador estava do lado deles
Image

A visão dos guerreiros causava pânico nos inimigos e espanto nos aliados. Eram formidáveis. A chama carregada em suas ombreiras, as caveiras em seus elmos. O poder que eles exalavam
Image

Encorajados pela presença, os guerreiros da ordem realizam inúmeros disparos. Algumas armas foram derrubadas, mas nenhuma baixa séria do outro lado
Image

Os orks revidam. Inúmeros Deathkoptas cargam alucinadamente em direção aos tanques do Império
Image

Os que ficaram nas naves observam o combate
Image

Os regimentos da Guarda Imperial retirada de Shanti foram junto para retribuir o favor dos Salamanders
Image

Um Baneblade das forças imperiais se prepara para obliterar alguns inimigos
Image

A batalha é tensa. A noite cai pesadamente e o combate se extende pela madrugada
Image

Dois Dreadnoughts protegem o gerador do escudo
Image

Os orks se preparam para invadir o underhive
Image

O Land Raider Fire Anvil se prepara para TORRAR um deahkopta
Image

As tropas da Legion of the Damned são seguradas por um trukk Ork enquanto o gigantesco Brass Scorpion se prepara para obliterá-los...
Image
Mas BOOOM! Eles explodem o Trukk
Image

A Inquisição se faz presente. Um assassino deu as caras no espaçoporto, pronto para matar Sulla, e escoltado por um pelotão da Deathwatch
Image
Image

A confusão é Geral. Um Fighta Bomma aterrisa no meio das tropas da ordem
Image

e para piorar... MAGGOT, O REI DA PODRIDÃO também dá as caras... para as costas de um Baneblade
Image

Dois Dreadnoughts dos Blood Angels, um Death Company Dread e outro Librarian se preparam para assaltar os Killa Kanz
Image

Maggot golpeia o Baneblade, afeta sua estrutura e... REAÇÃO EM CADEIA! Maggot EXPLODE o Baneblade em um golpe de ódio e urrando pelo Papa Nurgle
Image

E na sua explosão... um raio de dano gigante
Image

Os Generais da Desordem enlouquecem. O venerado tanque havia ido pelos ares e leva um grupo de sentinelas
Image

...e não para por aí. A explosão atingiu até mesmo o Fighta Boomma, que também explodiu. Caos geral
Image

Do outro lado da batalha, os orks continuam seus ataques
Image

Os generais debatem do alto de suas naves
Image

A Guarda Imperial começa a receber a carga das tropas de Nurgle que acabaram de chegar
Image

Os Orks se aproximam em carga. O Chaplain da Death Company é o unico que restou para segurá-los após perder todos os seus companheiros para os tiros dos Lootas
Image

A violenta carga dos guerreiros podres
Image

Uma geral da catástrofe em campo
Image

Quando a Ordem parecia perder as esperanças... A Deathwing finalmente dá as caras
Image

E juntamente com eles... mais reforços da Legion of the Damned, que vieram bem a tempo de tentar impedir Maggot de causar mais destruição
Image

Os Terminators da Legion of the Damned, liderados por seu Chaplain, assaltam Maggot
Image

Do outro lado, o Capitão da Legion of the Damned assalta os guerreiros podres que mataram inúmeros guerreiros da Guarda
Image

O combate fica cada vez mais violento e as baixas começam a aumentar
Image

Maggot resiste e mata vários terminators
Image

A sorte parece não estar com a Ordem... Vários Ork Kommandos surgem por trás das linhas inimigas
Image

Snikrot e mais kommandos
Image

Os Blood Angels limpam os Orks que os atacavam
Image

Mephiston toma a ponta e decide assaltar o Stompa, já danificado por vários tiros... em um lance que gerou discussão, onde uma Vortex Grenade quase engoliu o Stompa (teria sido um sopro divino para mudar o destino e colocá-lo nas mãos de Mephiston?)
Image

Atrás do Stompa, os Terminators da Deathwing sofrem com a carga dos Mega Nobz e dos Nobz Warbikers
Image

E eis que num golpe de coragem... MEPHISTON DERRUBA O STOMPA!
Image

Na Underhive, Tsu'gan e Da'kir preparam-se para confrontar os 'Ard Boyz
Image

A Legion of the Damned leva carga de um pelotão de Possessed
Image

Maggot continua resistindo
Image

Um Rhino da Legion of the Damned passeia pela mesa
Image

Blood Angels consolidando posição
Image

Terminators Salamanders se juntam na caça aos podres guerreiros de Nurgle, jogando de cara uma Vortex Grenade
Image

A Ordem continua firme. Os Blood Angels revidam o ataque dos Kommandos que destruiu um Basilisk
Image

Um Dreadnought Salamander perde suas armas
Image

A caçada continua
Image

O Dreadnought Venerable dos Salamanders carga um grupo de Nurgle
Image

A Deathwing dá cabo de um dos últimos MEga Nobz
Image

A Legion of the Damned resiste bravamente.
Image

O cansaço e o tempo da batalha parece vencer os generais... (tendo em vista que começamos a nos preparar as 16h, começamos a jogar as 21h e ja eram 3h da manhã, decidimos parar... tendo jogado INCRIVEIS 2 TURNOS! HAHAHAHA! Por N fatores não deu pra começar mais cedo, mas aprendemos a lição e demos boas risadas!) Os generais avaliam a situação e a ORDEM VENCE, por estar controlando mais objetivos que a Desordem e por ter atingido o principal objetivo (ter mais unidades a 12 polegadas do espaçoporto).
Image

Os generais observam a mesa e posam para a foto
Image
Da ESQUERDA pra DIREITA: STREEM (ANDRÉ), PEACECRAFT (SÓCRATES), ARCUBALLIS (ANTONIO JORGE), TOCHA (ANDRÉ), ULTRAMARCOS (MARCOS), GERETH - em pé - (ESTEVÃO), SILVIO - sentado

Os céus de Lyra amanheceriam vermelhos
Image

As tropas imperiais imediatamente deixaram Lyra. A evacuação não fora necessária: a grande maioria das tropas de Sulla eram agora HEREGES. Damien Grussa estava certo: cultistas e provas substanciais de que Sulla havia sido corrompido foram recolhidas, e Sulla desapareceu. Damien Grussa continou sua caçada e as tropas Astartes deixaram o planeta.

O destino final de Lyra ainda estaria para ser revelado.

Os Salamanders, em reunião com os Blood Angels e a Deathwing, comentaram a estranha aparição da Legion of the Damned. O que os teria levado a vir de tão longe?

A Sanguis Irae seguiu seu próprio rumo em Tamitzaa. A Deathwing também deixou a órbita de Lyra. Os Salamanders foram recolhidos pelos companheiros da 4ª Compania, a bordo do Strike Cruiser Dactyl's Fire. Próxima parada: ULTIONE.
40k: Salamanders, Orks, Inquisição
Mordheim: Mercenaries, Orcs, Norse
Infinity: Tohaa
FoW: British
Firestorm Armada: Dindrenzi
BloodBowl: The Galaxy Hitchhikers
User avatar
streem
Fire Drake
 
Posts: 1080
Joined: 26 Jul 2009, 20:42
Location: São Paulo - SP

Re: Lyra - Tamit I.

Postby HaroudoXavier » 16 May 2011, 04:41

BR – Os Últimos dias de Tamitza.
Jogador “ORDEM”:HaroudoXavier (Death Dealers, SM Chapter)
Jogador “CHAOS”:SilveRah (Orks)
Número de pontos da Partida: 500
Frente de Batalha: Lyra
Vencedor: Empate

SilveRah wrote:Aqui vamos mais um para a desordem! Para esmagar os Space Maricas de Recife!
Silverah - Orc


Só tem fanfarão.... :P

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


++++++ Transmitida : Cobra Coral (Barcaça de Batalha, Death Dealers)
+++++++++ Recebida : Astropata Berian
++++++++++ Destino : Mestre de Capítulo Harkan Xsavirus, Death Dealers
++ Tempo de Missão : 38570.M41
++ Duto Telepático : Terminus Garganthus
++++++++++++++ Ref : Comp.2/Hellzcatz/9972
+++++++++++ Author : Captain Dan´Niel, Companhia de Batalha Hellzcatz

Missão em Tamitzaa
1º Relatório.

Que a Luz do mperador nos Ilumine Sempre! Que a Covardia Desgrace Nossos Inimigos!

Irmão Xsavirus, como ordenado, chegamos em Tamitzaa e buscamos alvos de oportunidade. Orbitando o corpo planetário de Lyra, tivemos problemas em observar as superfície de órbita e enviei pequenas patrulhas para a superfície para instalar aparelhos e realizar os ritos necessários para seu funcionamento.

Capitão Herminus era voluntário em uma das patrulhas quando, em meio as operações, o grupo foi emboscados por Orks. As dificuldades em monitoramento nos impediram de avistar a proximidade do inimigo e o conflito ocorreu quando os pele verdes já estavam muito próximos.

Image

Image

Irmão Crystos, da 2º Companhia de Batalha, também havia se voluntariado e foi o primeiro a agir, atacando Defkoptas dos Orks, mas sendo logo atingido por um míssil, o que o fez buscar abrigo entre as ruínas nas proximidades.

Image

Image

Nosso batedores abriram fogo contra os Defkoptas, mas um pico de radição desajustou seu armamento.
E logo o grupo foi cercado.

Image

Irmão Crystos partiu em auxílio dos batedores, assim como o Capitão Herminus. Logo, nossos homens estavam em furioso combate contra orks!

Image

Sargento Harmar´Karlik e 4 outros irmãos de batalha, tentaram continuar a recitar os ritos, mas deixaram os instrumentos para atacar um outro grupo de Orks.

Image

O grupo de batedores foi reduzido a apenas um dos recrutas. Irmãos Crytos continou lutando, especialmente após o Capitão Herminus ser gravemente ferido e desfalecer.

Image

Sargento Harmar´Karlik voltou para defender a sonda de observação quando percebeu que o próprio Warboss estava se aproximando. Ele e os outros marines abriram fogo e prepararam suas granadas defensivas para receber os Orks com gosto!

Image

Irmão Crystos matou os Boyz restantes, e tentava salvaguardar seus irmãos caídos em combate.

Image

Junto a aparelhagem dos Mecanicus, logo o Sargento Hamar´Karlik era o único Marine ainda em pé, resistindo bravamento ao Warboss e vários Boyz.

Image

Image

Apesar de não terem sido bem sucedidos na missão, relato a bravura de nossos irmãos e peço que lhes sejam conferidas preces e em suas armaduras, inscritas mais litanias.

Informo também que os Xenos estão preparados para serem usados em combate.

Fim do 1º Relatório.

Death Dealers, fortis cadere, cedere non potest!

Que a Vontade do Imperador o guie.
Image

Image
HaroudoXavier
Astartes
 
Posts: 229
Joined: 17 Mar 2010, 10:59
Location: Recife-PE

BR da Campanha nacional

Postby HaroudoXavier » 03 Jun 2011, 17:27

BR – Os Últimos dias de Tamitza.
Jogador “ORDEM”:HaroudoXavier (Hive Fleet Briareos)
Jogador “CHAOS”:SilveRah (Orks)
Número de pontos da Partida: 500
Frente de Batalha: Lyra
Vencedor: Hive Fleet Briareos


++++++ Transmitida : Cobra Coral (Barcaça de Batalha, Death Dealers)
+++++++++ Recebida : Astropata Berian
++++++++++ Destino : Mestre de Capítulo Harkan Xsavirus, Death Dealers
++ Tempo de Missão : 38575.M41
++ Duto Telepático : Terminus Garganthus
++++++++++++++ Ref : Comp.2/Hellzcatz/9972
+++++++++++ Author : Captain Dan´Niel, Companhia de Batalha Hellzcatz

Missão em Tamitzaa
2º Relatório.

Que a Luz do mperador nos Ilumine Sempre! Que a Covardia Desgrace Nossos Inimigos!

Irmão Xsavirus, o uso dos Xenos foi um sucesso absoluto contra o Orks!

Mandamos informação falsa para os Orks sobre depósitos de armas próximo a um laboratório de pesquisas abandonado.

Image

Logo um Warboss e vários Orks, com alguns "Defkoptas", chegaram ao local.

Image


Image


Image


Image

De acordo com os Adeptus Mechanicus Biologis levados para fazer parte da operação, o Hive Mind preso a Cobra Coral emitiu sinais e coordenou através de um dos xenos as ações.

O confronto começou com os Orks concentrando suas forças em um dos dois pontos e com as forças dos Tyranids dividas.

Image


Image


Image

Nosso corpo tático não entendeu inicialmente a posição dos Xenos. O Tyranid Prime e Termagants ficaram isolados do Tervigon e de um Xeno não identificado incialmente. Logo, os Tyranids começaram a avançar.

Image


Image

A batalha ocorreu dividida pelo laboratório abandonado. O Tervigon e o outro Xeno correram de encontro as forças inimigas, tendo apenas como ameaça direta, um dos Deffkoptas. As forças dos Orks avançaram sobre os Tyranids do outros lado, e lodo o Warboss deu um grito furioso e suas tropas engajaram parte dos Tyranids em combate.

Image


Image


Image

Os Nobz logo dizimaram os Termagants, mas do outro lado, a tática dos Tyranids tomava forma, com o Tervigon lançando novos Termagants, que corriam para os pontos designados como alvos para os Orks.

Image


Image

O Tyranid Prime e os Termagants restantes se separaram, e prepararam-se para receber os Orks em combate.


Image


Os Orks logo atacaram o Tyranid Prime e os outros Termagants, enquanto o Tervigon e o outro Xeno, continuavam a avançar.

Image


Image


Image


Image


Image

O Tervigon lançou mais Termagants, e os Orks resolveram mudar a direção de seu ataque, já que só restara o Tyranid Prime, que lutava contra os Orks Nobz.

Image


Image

Um grupo de Boyz e os Deffkoptas restantes são destruídos pelo Tervigon e pelo que os Adeptus Mechanicus Biologis nomeram de "Doom of Lyra", por ter um rastro psíquico similar e poderes idênticos ao Doom of Malan´Tai.

Image


Image


Image

O Ork Warboss e alguns orks, foram confrontar o Doom of Lyra e o Tervigon.

Image


Image


Image

O Tyranid Prime continua lutando e vencendo os Ork Boyz, e o próprio Warboss é destruído pelo Doom of Lyra.

Image

Logo apenas um Ork Nob continuava lutando contra os Tyranid Prime. O resultado eram óbvio.

Image


Image


Image


Image

Com as forças dos Orks destruídas, ativamos explosivos e bombardeamos de órbita a região. Espero instruções sobre nosso próximo movimento.

Fim do 2º Relatório.

Death Dealers, fortis cadere, cedere non potest!

Que a Vontade do Imperador o guie.
Image

Image
HaroudoXavier
Astartes
 
Posts: 229
Joined: 17 Mar 2010, 10:59
Location: Recife-PE

Re: Lyra - Tamit I (DESTRUÍDO!)

Postby Gereth » 25 Jun 2011, 18:01

Um grito de dor e fúria interrompeu as comunicações dos Space Marines. No segundo seguinte o planeta Lyra e toda vida sobre ele deixou de existir enquanto Tamit varreu toda a superfície do planeta com uma torrente de chamas. Lyra estava morto.


Image

http://www.warhammerbrasil.com.br/viewtopic.php?f=57&t=2287&p=37451&sid=279b295916391c4a8435fbc15028faad&sid=279b295916391c4a8435fbc15028faad#p37451
User avatar
Gereth
The Painting Frog
 
Posts: 2151
Joined: 25 Jul 2009, 22:33
Location: Cuiabá - Mato Grosso


Return to Campanha nacional Warhammer 40.000.

Who is online

Users browsing this forum: No registered users and 1 guest

cron